Doncovim oncotô proncovô

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Série Dieta Maluca - 1 a dieta da " inversão metabólica"

Depois de ler alguns posts no  blog da  Bella  falando  das dietas da moda,  particularmente  a de Beyoncé chamou  atenção pela  maluquice. Quem aguenta ficar um  dia inteiro  só  bebendo limonada,  ainda mais suco  ácido  ???  ainda por luxo  limão  siciliano,  que é bem  estanho  ao  nosso paladar tupiniquim ? Isso  me inspirou a começar  a escrever uma série das  tentativas malucas que já fiz para perder peso,  e vou iniciar com  uma das que considero  uma das mais bizarras.  Apresento-lhes a

Dieta  dos  15 dias  




Fiz essa dieta quanto  tinha 17  anos  e estava terminando  o  3o  colegial. Nessa época  eu  pesava uns 72  kg  e queria muito  entrar num  vestido  mega piriguete de uma prima (aquela que casou recentemente) ,  um  tubo  de couro  tomara que  caia, bem  justo,  para a minha formatura.  Eu  precisva perder bastante peso  e rápido,   então  resolvi  encarar  a parada. 

Hoje,  pesquisando  no  google  descubro  que uma variação  desta dieta é conhecida como  a Dieta da USP,  que promete eliminar 15 kg em  15 dias. É  um pouco  diferente da que eu  fiz. Esta era basicamente um  café preto  e umas  2 bolachas Cream  Cracker no  desjejum,  e depois  almoço  e jantar basicamente um carne,  verduras,  e muitos,  muitos ovos. Era um  total de 11 ovos  por semana ! e tinha umas refeições bizarras também,  como  200  g de presunto e iogurte (que combinação  digna de Chef francês!).  Para mim  era um  sofrimento,  pois nunca fui  de comer ovo  e muito  menos  200  g  de presunto,  aliás nunca fui  fâ de presunto,  hoje nem como  mais.  E não  podia substituir os alimentos  e nem  diminuir as quantidades.  O  pior ainda é  tinha um feriado  e fui  viajar  pra casa de uma amiga da família,  fazendo  a tal  da dieta. Na casa estavam  dois  nutricionistas,  que disseram  que a tal  dieta era totalmente lipoproteica  (na época era novida pra mim,  nem me toquei  que faltavam  carbos  nela)  e uma média de 400  kcal  diárias.  O  que se dizia  é  que esta dieta propunha uma  inversão  metabólica no  corpo,  e depois  de 15 dias sem  comer carbos, o  corpo  começaria a queimar gordura prioritariamente, então  mesmo  depois da dieta,  a pessoa continuaria emagrecendo. AHAM !!! Você podem imaginar  o  quanto  de verdade tem  nisso.  Claro que os nutri  não confirmaram  esse disparate.
Primeiro  que é  praticamente impossível  seguir essa dieta. Tinha dias que eu  estava com  uma fome colossal  e obviamente dava uma jacada  mínima que fosse, por uma questão de sobrevivência. A jacada era comer algum carbo,  claro. O  corpo  pedia.
Não  quero  nem  imaginar a que patamares minha taxa de colesterol  subiu nesses dias. Ainda bem  que eu  tinha só  17 aninhos. 
Não  precisava  nem  falar que um  mês  depois de finda a tal  dieta eu  já tinha recuperado  o  peso  né. 

MASSSSSS  serviu pra o  que eu queria. Emagreci  uns 8 kg  e o  tal  vestido  ficou um  arraso. Eu usava óculos e ainda arrumei  umas lentes de contato  e fui  magra  e linda pra formatura.  Ah meus  17 anos ! 
Bom,  eu  não  recomendo  pra ninguém.  Acho  que  a South Beach fase 1 pode não  eleiminar tanto  peso  de uma vez,  mas certamente funciona melhor   a médio  prazo  e é mais viável  de seguir. É  cada maluquice que inventam...

Um comentário:

  1. Eu sempre fui magrinha, apesar disso não achava que era magra o suficiente e insistia em fazer dietas. Certa vez resolvi emagrecer tomando somente 1 todinho ao acordar, e agua o resto dos dias. Na 3a semana passei mal, e com medo que alguem descobrisse, acabei parando a dieta. Essa foi a mais louca que fiz.

    ResponderExcluir